11 filmes inspirado em crimes da vida real


0

01 – O crime de Parker e Hulme, que inspirou o filme Almas Gêmeas.

11 filmes inspirado em crimes da vida real 2

Almas Gêmeas, estrelado por Kate Winslet, é baseado na história de Pauline Parker e Juliet Hulme, melhores amigas de 15 anos de idade que viviam na Nova Zelândia em 1954. As garotas tinham uma amizade íntima e obsessiva e passavam todo o tempo juntas escrevendo histórias e brincando.

Pauline ficou ressentida com sua mãe, Honorah, e, uma tarde, ela e Juliet levaram Honorah para o parque, onde a espancaram até a morte com uma pedra.

As garotas foram libertadas da prisão depois de 5 anos e meio, e Juliet acabou se mudando para o Reino Unido, tornando-se a escritora de ficção policial de sucesso Anne Perry.


02 – O Estripador de Gainesville, que inspirou o filme Pânico.

11 filmes inspirado em crimes da vida real 3

Em Pânico, uma série de estudantes do ensino médio é cruelmente assassinada por facadas por um serial killer conhecido como Ghostface.

Na vida real, Danny Rolling, o Estripador de Gainesville, assassinou cinco estudantes em quatro dias na Flórida (EUA), em 1990.


03 – Os crimes do galinheiro de Wineville, que inspiraram o filme A Troca.

11 filmes inspirado em crimes da vida real 4

O filme, estrelado por Angelina Jolie, foi baseado nos sequestros e mortes reais de até 20 garotos na Califórnia (EUA) na década de 1920.

Walter Collins, de 9 anos de idade, desapareceu em 10 de março de 1928. Em agosto, a polícia encontrou um garoto que dizia ser Walter Collins. A mãe dele, Christine, disse que ele não era o seu filho, mas a polícia a fez levá-lo para casa. Mais tarde, ela foi transferida para uma ala psiquiátrica depois de continuar insistindo que a polícia havia lhe entregado de volta o garoto errado.

Na verdade, Walter Collins havia sido sequestrado e assassinado por Gordon Stewart Northcote, de 21 anos. Northcote levava os garotos para o seu rancho, abusava deles e depois os levava para sua incubadora de galinhas para assistir a pintinhos nascerem. Então, os matava com um machado.


04 – A história do “Envenenador da Xícara de Chá”, que inspirou o filme O Livro Secreto do Jovem Envenenador.

11 filmes inspirado em crimes da vida real 5

Graham Young, “O Envenenador da Xícara de Chá”, tinha apenas 14 anos quando começou a misturar seus próprios venenos e testá-los em sua família, animais de estimação e amigos da escola. Em 1962, ele matou sua madrasta, Molly, e foi preso. Nove anos depois, foi libertado.

Sua segunda onda de envenenamentos ocorreu em 1971, quando Young trabalhava em uma empresa fotográfica na vila inglesa de Bovingdon. Os funcionários começaram a adoecer com vômitos, cólicas, diarreia e mãos dormentes. Eles pensaram que era uma intoxicação alimentar, mas depois dois homens morreram. Young foi preso novamente e morreu na prisão em 1990, aos 42 anos.


05 – “Os assassinatos dos mochileiros”, no qual o filme de terror Viagem ao Inferno é baseado.

11 filmes inspirado em crimes da vida real 6

O filme de terror Viagem ao Inferno foi inspirado em uma história verídica e aterrorizante da Austrália.

Entre 1992 e 1993, os corpos de sete jovens mochileiros foram encontrados escondidos sob samambaias e gravetos na Floresta Estadual de Belango. Eles haviam sido baleados, esfaqueados, mutilados e estrangulados. Mais tarde, descobriu-se que o assassino era o responsável pela construção e manutenção de estradas Ivan Milat, de 50 anos de idade. Ele fingia que iria dar carona para os mochileiros para capturá-los e matá-los.


06 – Os assassinatos de Aileen Wuornos, que inspiraram o filme Monster: Desejo Assassino, estrelado por Charlize Theron.

11 filmes inspirado em crimes da vida real 7

Monster: Desejo Assassino conta a história de Aileen Wuornos, prostituta de Daytona Beach, Flórida (EUA), que atraiu e matou sete empresários de meia-idade em uma floresta.

No início, Wuornos alegou que havia agido em legítima defesa e que os homens a tinham estuprado e agredido. No entanto, mais tarde ela mudou sua história, dizendo: “Eu odeio os humanos há muito tempo. Sou uma serial killer. Eu os matei a sangue frio e com maldade.”


07 – O assassino conhecido como Zodíaco, que inspirou o filme Zodíaco.

11 filmes inspirado em crimes da vida real 8

Zodíaco conta a história da caçada a um serial-killer que atacava jovens casais em seus carros na Califórnia durante os anos 60 e 70. O assassino enviou cartas provocativas à polícia assinadas como “Z”, que supostamente continham um código que revelaria sua identidade. Nas cartas, Zodíaco disse que assassinou 37 pessoas. Ele nunca foi pego.


08 – A onda de assassinatos de Starkweather, que inspirou Terra de Ninguém, de Terrence Mallick, e Os Espíritos, de Peter Jackson.

11 filmes inspirado em crimes da vida real 9

O personagem de Kit Caruthers em Terra de Ninguém foi inspirado no serial-killer Charles Starkweather, de 19 anos, que assassinou 11 pessoas em Nebraska com sua namorada, Caril Ann Fugate, de 14 anos.

Charles era um jovem problemático, em guerra com seus pais por sua vida amorosa. Ele tingia seu cabelo ruivo de preto com graxa de sapato e usava botas de caubói preta e branca. Starkweather assassinou a família de sua namorada, incluindo sua irmã de 2 anos. Suas outras vítimas incluíram um atendente de posto de gasolina de 21 anos, um vendedor ambulante e um casal adolescente. Charles Starkweather foi executado na cadeira elétrica em 1959. Caril Ann foi libertada da prisão em 1976 e tornou-se faxineira em um hospital em Michigan.

O diretor Peter Jackson ficou fascinado com a relação perversa entre Charles e Caril Ann, e isso inspirou seu filme de comédia/terror Os Espíritos.


09 – Os assassinatos do “Flautista de Tucson”, que inspiraram a história por trás do filme Conversa Suave.

11 filmes inspirado em crimes da vida real 10

Conversa Suave é baseado nos assassinatos cometidos por Charles “Smitty” Schmid em Tucson, Arizona (EUA), nos anos 60.

“Smitty” era um rapaz carismático e popular de 23 anos. Quando ele começou a se vangloriar para as pessoas sobre assassinar garotas (e até a mostrar a alguns amigos os corpos enterrados no deserto), ninguém falou nada porque “Smitty” era muito poderoso e popular.

Então, descobriu-se que ele havia assassinado três garotas, Alleen Rowe, de 15 anos, e Gretchen Fritz, de 17 anos, bem como a irmã dela, Wendy, de 13 anos.

Schmid foi preso e esfaqueado até a morte por companheiros de prisão em 1975.


10 – Os assassinatos da família DeFeo, que inspiraram Horror em Amityville.

11 filmes inspirado em crimes da vida real 11

A casa assombrada em Horror em Amityville é baseada na casa de Ronald Defeo Jr., jovem de 23 anos de Amityville, Long Island, que assassinou seis membros de sua família: mãe, pai, irmãs e irmãos mais novos.

A família foi morta a tiros em suas camas às 03:00. Depois, Ronald foi até um bar local e pediu ajuda. Todos os membros da família foram encontrados mortos de bruços na cama. Nunca foi explicado por que os primeiros tiros não alertaram o resto da família para que pudessem tentar fugir.


11 – Ed Gein, conhecido como “O Açougueiro de Plainfield”, que inspirou personagens de Psicose e O Massacre da Serra Elétrica

11 filmes inspirado em crimes da vida real 12
Em novembro de 1957, a polícia entrou em uma casa em Wisconsin (EUA) e descobriu uma cena de terror: crânios humanos transformados em tigelas, cadeiras estofadas com pele humana, um abajur feito de um rosto humano, uma genitália feminina em uma caixa de sapatos, crânios na cabeceira da cama, um par de lábios no cordão da cortina e outras monstruosidades.

Por trás disso estava Ed Gein, que morava sozinho na casa após a morte de sua mãe. Ele também havia costurado um “terno feminino” feito da pele de sua mãe, que ele usava fingindo ser ela. Gein afirmou ter desenterrado a maioria dos corpos que usava de cemitérios locais, mas confessou ter matado duas mulheres e permaneceu preso até sua morte, em 1984.


Compartilhe com os seus amigos!

0

Send this to a friend