39 regras da realeza britânica que não faz sentido no pleno século 21


Share via

Fazer parte da família real não é só glamour, já que todos os membros precisam seguir protocolos com muita rigidez e quebrar as regras não é uma opção. Alguns hábitos são estranhos, outros até engraçados e com certeza muito curiosos.

Você pode não saber, mas existe uma série de coisas que os membros da família real são proibidos de fazer. Pode parecer bem estranho, mas é o preço que se paga por ser da realeza.

1 – Ninguém come depois que a Rainha termina suas refeições

Ao jantar em família, ninguém pode comer depois que a Rainha dá sua última garfada. Não importa se comeram apenas parte da comida, todos devem parar.

39 regras da realeza britânica que não faz sentido no pleno século 21 2

2 – Frutos do mar são proibidos

A família real está proibida de comer marisco, pois existe o risco de contrair alguma doença ou infecção.

39 regras da realeza britânica que não faz sentido no pleno século 21 3

3 – Alho não é permitido

O alho é proibido na cozinha do Palácio de Buckingham, pois a rainha odeia o ingrediente. Todos os pratos são preparados sem este tempero.

39 regras da realeza britânica que não faz sentido no pleno século 21 4

4 – Carne exótica está fora do menu

Carne preparada de forma exótica ou pouco conhecida representa maior risco de intoxicação, portanto não é permitida na dieta real.

39 regras da realeza britânica que não faz sentido no pleno século 21 5

5 – Eles não podem esquecer sua posição real

Sua posição nas sucessões reais define sua posição em fotografias ou em qualquer evento público. Por exemplo: em todas as fotos reais, a Duquesa de Sussex, quando fazia parte da realeza, sempre precisava ficar atrás da esposa do Príncipe William, já que Kate é casada com o segundo na linha de sucessão do trono.

Além disso, se as duas mulheres estivessem participando de um evento, Meghan deveria caminhar dois passos atrás da Duquesa de Cambridge.

39 regras da realeza britânica que não faz sentido no pleno século 21 6

6 – Apelidos ou diminutivos não são permitidos

Desde tenra idade, os membros da família são proibidos de usar apelidos ou diminutivos de seus nomes com seus pais ou irmãos. Devem até evitá-los quando não estiverem em público, para não se acostumarem.

39 regras da realeza britânica que não faz sentido no pleno século 21 7

7 – Não é permitido ficar sem meias

Todas as mulheres reais devem usar meias da cor da pele ao usar vestidos.

No entanto, em algumas ocasiões, vimos que Meghan ignorou essa regra de vestuário quando ainda fazia parte da família real britânica.

39 regras da realeza britânica que não faz sentido no pleno século 21 8

8 – Calças compridas não são permitidas

As crianças reais devem sempre usar shorts.

Na realeza, assim como nas famílias inglesas da alta sociedade, o comprimento do short nas crianças indica a classe social a que pertencem. Se uma criança usar calças compridas, é uma indicação de que pertence a uma classe “inferior”.

39 regras da realeza britânica que não faz sentido no pleno século 21 9

9 – Saias não são permitidas

No que diz respeito às meninas, elas devem sempre usar um vestido. Saias, calças ou shorts não são permitidos.

Além disso, blusas estampadas, camisetas ou roupas que façam referência a um personagem da cultura pop são proibidas. O motivo é que essas imagens possivelmente se tornarão “históricas”, então é importante que não sejam tão datadas.

39 regras da realeza britânica que não faz sentido no pleno século 21 10

10 – Nada de autógrafos ou selfies

A realeza britânica está proibida de dar autógrafos ou tirar selfies com o público. No entanto, houve ocasiões em que o príncipe William permitiu uma ou outra fotografia com seus admiradores.

39 regras da realeza britânica que não faz sentido no pleno século 21 11

11 – Eles não podem viajar juntos

Quando se trata de viagens, se duas pessoas são herdeiras ao trono, elas não podem viajar no mesmo meio de transporte. Isso significa que quando o príncipe George completar 12 anos, ele não poderá viajar com o duque de Cambridge no mesmo avião, navio, trem ou carro.

39 regras da realeza britânica que não faz sentido no pleno século 21 12

12 – Não é possível se casar sem permissão

De acordo com a Lei de Casamentos Reais de 1772 , os descendentes reais devem ter a aprovação da Rainha antes de poderem fazer o pedido de casamento.

39 regras da realeza britânica que não faz sentido no pleno século 21 13

13 – Cores chamativas são proibidas

Mulheres reais são proibidas de usar batons com tons fortes. Cores neutras ou rosa pálido são a escolha ideal para maquiagem.

Além disso, as unhas devem ser pintadas em uma cor natural. As cores fortes estão fora de questão. Isso faz parte do rígido protocolo de beleza que as mulheres da família real devem seguir.

39 regras da realeza britânica que não faz sentido no pleno século 21 14

14 – Pele animal é proibida

Durante o reinado do rei Eduardo III, os membros da monarquia foram proibidos de usar peles em suas vestes. No entanto, infelizmente, a regra foi quebrada em várias ocasiões.

39 regras da realeza britânica que não faz sentido no pleno século 21 15

15 – É proibido dar opiniões políticas

A família real não pode ter opiniões políticas. Seus membros estão proibidos de votar ou falar publicamente sobre política.

Além disso, os membros da família real não podem exercer nenhum tipo de cargo político.

39 regras da realeza britânica que não faz sentido no pleno século 21 16

16 – Jogo Banco Imobiliário é vetado

A família real está proibida de jogar Banco Imobiliário. Sim, é isso mesmo. Este clássico jogo de compra e venda de propriedades é considerado altamente viciante e até mesmo conflituoso, razão pela qual o Príncipe Andrew decidiu bani-lo.

39 regras da realeza britânica que não faz sentido no pleno século 21 17

17 – Manto da realeza

Quando os bebês são batizados, eles devem usar um manto especial que está na família há várias gerações. Você não tem a opção de colocar outra roupa neles.

O manto original está presente nas cerimônias de batismo há mais de 160 anos. Para preservá-lo, a Rainha Elizabeth solicitou que uma réplica fosse feita em 2004, que foi usada pelos filhos da Duquesa de Cambridge, George e Charlotte.

39 regras da realeza britânica que não faz sentido no pleno século 21 18

18 – Crianças e os líderes mundiais

Crianças da família real são proibidas de participar de reuniões com líderes mundiais ou membros do corpo diplomático.

No entanto, em um caso raro, o príncipe George foi capaz de quebrar o protocolo para se encontrar com Barack e Michelle Obama.

39 regras da realeza britânica que não faz sentido no pleno século 21 19

19 – Carinhos em público são proibidos

Os membros da realeza estão proibidos de demonstrar afeto em público. Nada de beijos ou abraços.

39 regras da realeza britânica que não faz sentido no pleno século 21 20

20 – A autoridade da Rainha Elizabeth

A Rainha Elizabeth II tem um tratamento extremamente privilegiado, pois pelo protocolo ninguém pode tocá-la ou lhe dar as costas.

39 regras da realeza britânica que não faz sentido no pleno século 21 21

21 – Reverências

As mulheres têm a obrigação de fazer reverências na frente de mulheres de posição superior. A duquesa de Cambridge mostra esse respeito à rainha Elizabeth e à duquesa Camilla.

39 regras da realeza britânica que não faz sentido no pleno século 21 22

22 – A maneira certa de beber chá

A família real segura a alça da xícara de chá com o indicador e o polegar, enquanto o dedo médio segura a parte inferior. Embora seja um pequeno detalhe, não deve ser esquecido.

39 regras da realeza britânica que não faz sentido no pleno século 21 23

23 – O queixo alinhado com o solo

Quando mulheres reais posam em público, seu queixo fica paralelo ao chão. Sem poses ou expressões chamativas.

39 regras da realeza britânica que não faz sentido no pleno século 21 24

24 – Conversas durante o jantar

Durante o jantar, a Rainha Elizabeth conversa com a pessoa sentada à sua direita. Já na segunda metade da refeição, a Rainha fala com o convidado do lado esquerdo. Ninguém pode ultrapassar ou alterar esse ritmo.

39 regras da realeza britânica que não faz sentido no pleno século 21 25

25 – Preparado para qualquer funeral

Cada vez que um membro da família real viaja, ele deve levar na mala uma roupa totalmente preta, apropriada para um funeral, caso ocorra tal evento. O traje preto não pode faltar na bagagem.

39 regras da realeza britânica que não faz sentido no pleno século 21 26

26 – Assentos atribuídos

Nos eventos, cada um dos lugares que os convidados irão ocupar é cuidadosamente pensado. A posição, assim como a idade, o idioma e os interesses são levados em consideração na organização.

39 regras da realeza britânica que não faz sentido no pleno século 21 27

27 – Chapéus

Em todos os eventos formais, as mulheres reais devem usar chapéus. Quanto mais elegante, melhor. Na hora de escolher um traje para a ocasião, eles devem ter o cuidado de não esquecer o acessório.

39 regras da realeza britânica que não faz sentido no pleno século 21 28

28 – Tiaras

Se o evento continua ou acontece depois das 18h, as mulheres trocam os chapéus por delicadas tiaras. Porém, mulheres solteiras não podem fazer uso do acessório.

Além disso, as tiaras devem ser colocadas corretamente. Antes, eram usadas ​​mais para a frente, mas a regra agora estabelece que fiquem mais para trás na cabeça, em um ângulo de 45 graus.

39 regras da realeza britânica que não faz sentido no pleno século 21 29

29 – Preparação de Natal

O Natal da realeza é celebrado na Sandringham Country House, em Norfolk. A Rainha insiste que seja gasta uma semana para todos os preparativos do encontro e, detalhe: ninguém deve faltar.

39 regras da realeza britânica que não faz sentido no pleno século 21 30

30 – Presentes na véspera de Natal

A realeza não espera até o dia 25 de dezembro para abrir os presentes de Natal. A troca acontece na Sala Vermelha durante o chá da véspera.

39 regras da realeza britânica que não faz sentido no pleno século 21 31

31 – A bolsa da Rainha

Se a rainha está conversando e move a bolsa do braço esquerdo para o direito, é sinal de que está pronta para encerrar a conversa. Quando isso acontece, sua equipe não deve esperar um segundo para direcioná-lo a outro lugar.

Além disso, se a monarca colocar sua bolsa sobre a mesa durante o jantar, o evento deve ser finalizado em um período máximo de cinco minutos. Ninguém deve demorar mais do que esse tempo.

39 regras da realeza britânica que não faz sentido no pleno século 21 32

32 – Cores para a Rainha

O guarda-roupa da Rainha deve ser repleto de peças de cores vivas, o que facilita que a monarca seja avistada em qualquer evento público. Seus estilistas e costureiros nunca devem esquecer essa regra.

39 regras da realeza britânica que não faz sentido no pleno século 21 33

33 – Licença para dirigir

A Rainha é a única pessoa no Reino Unido que pode dirigir sem carteira de motorista. Nenhuma autoridade ou funcionário pode pedir a carteira de habilitação, caso a encontre dirigindo na rua.

39 regras da realeza britânica que não faz sentido no pleno século 21 34

34 – Animais de estimação reais

A Rainha ama seus lindos corgis. O seu amor, somado ao fato de serem verdadeiros cães reais, torna-os dignos de um tratamento privilegiado.

Os pets devem ser alimentados com refeições gourmet, preparadas diariamente por um chef e entregues pessoalmente por um empregado designado para esta tarefa. Ninguém mais pode alimentar os cães ou dar-lhes qualquer outro tipo de comida.

39 regras da realeza britânica que não faz sentido no pleno século 21 35

35 – Eles não podem manter o nome original

O casamento real estipula que os membros da família adotem um novo nome quando se casam. No caso de Kate Middleton, por exemplo, ela oficialmente é “Catherine, Duquesa de Cambridge”.

39 regras da realeza britânica que não faz sentido no pleno século 21 36

36 – Obediência total a babás

As babás das crianças reais devem ser obedecidas pelos pequenos, quase tanto quanto obedecem aos pais. Além disso, elas são altamente treinadas em questões de segurança, protocolos de emergência, idiomas, etc.

39 regras da realeza britânica que não faz sentido no pleno século 21 37

37 – Cinco padrinhos

Quando bebês reais são batizados, eles devem ter pelo menos cinco padrinhos. Essas pessoas devem fazer parte da família ou serem membros da realeza. No entanto, o duque e a duquesa de Cambridge decidiram não seguir o protocolo à risca e incluíram pessoas comuns (amigos) como padrinhos de seus filhos.

39 regras da realeza britânica que não faz sentido no pleno século 21 38

38 – Noivinhos em casamentos reais

Os casamentos reais também são um acontecimento importante para as crianças da realeza, uma vez que uma das suas obrigações reais é agir como pajens. Todos devem usar a mesma roupa e carregar uma cesta com pétalas de flores.

39 regras da realeza britânica que não faz sentido no pleno século 21 39

39 – Eles têm de três a quatro nomes

Durante o batismo, os membros da realeza devem receber de três a quatro nomes tirados de seus ancestrais. Por exemplo, o príncipe William tem quatro, William Arthur Philip Louis, enquanto o príncipe George tem três, George Alexander Lewis. Como esperado, os pais não podem escolher nomes que não estejam ligados a seus ancestrais.

39 regras da realeza britânica que não faz sentido no pleno século 21 40

Compartilhe com os seus amigos!

Share via
guest
0 Comentários
Comentários em linha
Exibir todos os comentários
Send this to a friend