Texto

23 teorias macabras sobre filmes

Você nunca mais vai assistir aos seus filmes favoritos depois de conhecer algumas teorias MUITO macabras que há por trás das histórias – algumas delas, inclusive, confirmadas por seus criadores.


01 – Esqueceram de Mim x Jogos Mortais

23 teorias macabras sobre filmes
Sem dúvidas, umas das MELHORES teorias da internet é a que conecta o clássico da Sessão da Tarde “Esqueceram de Mim” a “Jogos Mortais”. Isso porque as armadilhas de Kevin (Macaulay Culkin) para deter os ladrões que invadem sua casa eram tão sádicas quanto as do vilão Jigsaw.

A teoria é de que os dois personagens têm métodos de ação parecidos e que, ao crescer, Kevin teria se tornado o maníaco de “Jogos Mortais”. Em “Esqueceram de Mim”, o garoto tortura os ladrões e é obcecado por registrar tudo em vídeo – exatamente como Jigsaw faz com suas vítimas.


02 -E.T.: O Extraterrestre e Star Wars estão no mesmo universo

23 teorias macabras sobre filmes
Em “Star Wars: A Ameaça Fantasma” vemos alienígenas iguais o E.T. de Steven Spielberg, que fazem parte de uma raça chamada Asogians. É por isso que quando ele cai na Terra consegue reconhecer uma criança que está fantasiada de Yoda no Halloween.

Mais do que isso: levando-se em consideração que as duas histórias estão no mesmo universo, a capacidade de E.T. de fazer a bicicleta voar com o poder da mente o torna um Jedi!


03 – Homer Simpson em coma?

23 teorias macabras sobre filmes
Na terceira temporada de “Os Simpsons”, há um episódio em que Deus diz a Homer que ele tem apenas mais seis meses de vida e acaba que, seis meses depois, ele entra em coma por causa de uma brincadeira de Bart. A teoria, então, é de que ele nunca mais acordou.

É por isso que as tramas do desenho foram se tornando cada vez mais absurdas e, principalmente, é por isso que os filhos de Homer nunca crescem – esta é a forma como ele os viu pela última vez.


04 – Os tios de Harry Potter tinham motivo para odiá-lo

23 teorias macabras sobre filmes
Durante toda a trama de “Harry Potter”, os Dursley foram vilões que maltratavam o protagonista. Mas é possível que haja um motivo plausível para isso – e não só o ressentimento e preconceito com o lado bruxo da família.

Ao fim da trama, descobrimos que Harry era uma das Horcrux de Voldemort, ou seja, carregava um pouco da alma do lorde das trevas dentro dele. Se Rony ficou perturbado por usar um colar de Horcrux por algumas horas, imagina os Dursley que viveram com Harry dentro de casa a vida inteira?


05 – O Inspetor Bugiganga é um robô do mal

23 teorias macabras sobre filmes
O grande inimigo do Inspetor Bugiganga no desenho é o Doutor Garra, cujo rosto nunca aparece. Pois bem: a teoria maligna aqui é a de que os dois são a mesma pessoa e o Inspetor seria uma versão robô do Garra, que teria sofrido um acidente que o deixou desfigurado.

Segundo os teóricos do Reddit, o Doutor Garra é, na verdade, o verdadeiro tio de Penny, uma garota inteligente que criou um robô – o Inspetor Bugiganga – para suprir a ausência do tio, mas ele acabou tomando o lugar do humano de verdade. É por isso que o Garra nunca faz nada contra ela no desenho.


06 – Scooby-Doo é uma crítica política?

23 teorias macabras sobre filmes
A verdadeira mensagem de “Scooby-Doo” é uma das teorias bizarras mais discutidas no fórum Reddit. Uma das hipóteses apontadas é de que os personagens representam os malefícios sociais das crises econômicas: por isso, os vilões tinham sempre profissões respeitáveis (professores, cientistas, artistas), que acabavam tendo as vidas destruídas por uma ambição capitalista.

Outra teoria é de que os personagens simbolizavam o desejo dos cidadãos americanos de fugir da Guerra do Vietnã – o desenho surgiu em 1969, bem no meio do conflito.

Assim, o grupo representava estereótipos sociais: Fred e Daphne eram a elite, Velma, a ativista e Salsicha, o hippie. Todos eles decidiram fugir em uma van e viver em um mundo lúdico, longe da realidade da guerra. Tenso.


07 – O mercador e o Gênio de Aladdin são a mesma pessoa

23 teorias macabras sobre filmes
No início do desenho, há um comerciante de itens raros que introduz a história, tentando vender a lâmpada mágica e, durante muitos anos, correu a teoria de que ele é o próprio Gênio – principalmente porque é Robin Willians quem faz a voz dos dois personagens.


Muito tempo depois, as suspeitas foram confirmadas: o vendedor era o Gênio, sim. Em entrevista ao E! News, os diretores, Ron Clements e John Musker, confirmaram. “Tínhamos no fim do filme a cena em que ele revelaria ser o Gênio, mas acabou caindo na edição”.


08 – Qual é a história de Mr. Bean?

23 teorias macabras sobre filmes
Prepare-se, você vai sentir muita dó do Mr. Bean a partir de agora: a teoria da internet é que ele foi abandonado quando ainda era bebê. Seus pais o teriam deixado dentro do mini-cooper que aparece nos filmes, junto com o urso de pelúcia que ele continuou carregando.

Segundo os teóricos, essa seria a explicação para o comportamento infantil e ingênuo do personagem e para a dificuldade de se comunicar com as outras pessoas.


09 – Willy Wonka vilão?

23 teorias macabras sobre filmes
O dono da Fantástica Fábrica de Chocolate pode não ser tão bonzinho quanto parece: e é bem provável que ele tenha planejado a “eliminação” das crianças que convidou para visitarem sua fábrica.

Isso porque, a cada criança que some, a atividade seguinte tem espaço exatamente para a quantidade de crianças que sobraram. Por exemplo: depois que Augustus é sugado pelo cano de chocolate, o barco que leva as crianças para a próxima sala tem o número certo de acentos – ou seja: ele já sabia que haveria um passageiro a menos.


10 – O universo compartilhado da Pixar

23 teorias macabras sobre filmes
A teoria do escritor Jon Negroni faz tanto sentido que acabou viralizando na internet e tornou ainda mais mágico o mundo da Disney-Pixar. Segundo ele, todos os filmes da produtora se passam no mesmo universo, em que pessoas, animais e máquinas são meio que inimigos.

O começo é em “Valente”, quando a bruxa dá vida às máquinas e consciência humana aos bichos. Assim, os filmes seguintes na cronologia exploram o desdobramento desses conflitos, como “Ratatouille” e “Toy Story”.

O ponto crítico é em “Os Incríveis”, quando vemos que as máquinas, dotadas de inteligência artificial, querem se libertar dos humanos. Tudo termina em “Wall-E” (em um futuro no qual a raça humana foi basicamente exterminada) e recomeça em “Vida de Inseto”, em que a vida na Terra começa de novo – por isso, não vemos humanos neste filme.


11 – O destino de Sid

23 teorias macabras sobre filmes
Vizinho de Andy, o garoto Sid é o principal antagonista de “Toy Story” e maltrata seus brinquedos, fazendo experiências bizarras com ele. Tudo indica que ele é o lixeiro visto em “Toy Story 3”, já que usa a mesma roupa e tem os mesmos trejeitos do menino visto no primeiro filme.
23 teorias macabras sobre filmes
Além disso, ele teria se tornado lixeiro porque sabe que os brinquedos têm vida, então desenvolveu uma obsessão em encontrar e resgatar os brinquedos descartados nos lixos.


12 – O lado macabro de Peter Pan

23 teorias macabras sobre filmes
Há uma teoria de que, na realidade, Peter Pan seja uma espécie de anjo da morte, responsável por levar as crianças dessa para melhor (ou melhor, para a Terra do Nunca). E é por isso que nenhum deles cresce.

Apesar de macabra, a teoria não é tão maluca assim: no conto original de J.M Barrie, Peter Pan era realmente ligado à morte e eliminava as crianças mais velhas da Terra do Nunca à medida em que as novas iam chegando.


13 – A história triste de Doc Brown

23 teorias macabras sobre filmes
Há uma teoria bem triste por trás da trama principal de “De Volta Para o Futuro”. Na internet, os palpites são de que Doc Brown estava tentando suicídio quando usa o icônico DeLorean para testar seu experimento.

Isso porque o personagem de Christopher Lloyd diz que todas as suas experiências foram um fracasso e se coloca na frente do carro com a certeza de que falharia de novo. A viagem no tempo acaba dando certo e ele, então, reencontra seu propósito de vida.


14 – Ferris Bueller nunca existiu?

23 teorias macabras sobre filmes
É possível que o protagonista de “Curtindo a Vida Adoidado” tenha imaginado o clássico Ferris Bueller apenas em sua mente? Para muitos teóricos da internet, sim. A ideia é de que Cameron tenha criado esse alter ego, com a personalidade extrovertida e aventureira que ele gostaria de ter.

Isso explicaria as aventuras malucas que eles têm ao longo do filme e o final seria sobre Cameron finalmente conseguindo aceitar quem realmente era, sem precisar mais da existência de Ferris.


15 – Robocop, o Jesus androide?

23 teorias macabras sobre filmes
O clássico dos anos 80 “Robocop – O Policial do Futuro” tem uma mensagem muito mais profunda do que você imaginava até agora – e mais do que uma teoria, ela foi confirmada pelo diretor Paul Verhoeven. Robocop era uma alegoria para Jesus Cristo.

Em entrevista à MTV, o diretor chamou o filme de “American Jesus”. “É sobre um cara que é crucificado e depois renasce como um superjusticeiro do mundo. Ele até anda sobre a água no final”, disse. Bom, mais claro impossível, né?


16 – Uma denúncia em O Iluminado

23 teorias macabras sobre filmes
Até hoje, teorias da conspiração sobre a chegada do homem à lua dão conta de que o acontecimento foi falso e dirigido pelo cineasta Stanley Kubrick. Uma das “provas” apontadas pelos conspiradores é de que o diretor foi forçado a manter segredo sobre isso, mas deu pistas do que aconteceu em “O Iluminado”.

Assim, o filme estrelado por Jack Nicholson esconderia uma série de evidências provando que Kubrick realmente forjou o pouso na lua. Uma delas é o número do quarto do hotel do filme: 237 – a distância entre a Terra e a Lua é de 237 mil milhas.

As gêmeas que aparecem no corredor do hotel seriam um símbolo do projeto da Nasa chamado de Gemini (do grego, gêmeos), enquanto os ursos seriam uma representação da União Soviética, que disputava a corrida espacial com os EUA.


17 – Hogwarts não existe?

23 teorias macabras sobre filmes
No mundo real, infelizmente não existe mesmo. Mas a teoria aqui é de que a escola de bruxaria é fruto da imaginação de Harry Potter. Nessa história, o garoto não tem poder algum, é apenas vítima de uma família negligente e de uma infância inteira trancado num quartinho debaixo da escada.

Para escapar dali de alguma forma, ele cria o mundo mágico de Hogwarts, onde tem amigos, pode voar e, sobretudo, é uma pessoa marcada como especial, a quem todos recorrem e reconhecem. Haja terapia para Harry Potter.


18 – Carl estava morto em Up?

23 teorias macabras sobre filmes
Depois de chorar com a sequência inicial do filme que termina com a morte de Ellie, prepare-se para assistir a “Up – Altas Aventuras” de um jeito ainda mais triste. Segundo uma teoria no Digital Spy, Carl estava morto o tempo todo no desenho.

A teoria dá conta de que a viagem que o velhinho queria fazer, na realidade, era a ida para o céu – o lugar para onde eles vão, inclusive, se chama Paraíso das Cachoeiras. Assim, o vilão Charles Muntz era um anjo caído (acompanhado pelos cães do inferno) e o escoteiro Russell, um anjo do bem cumprindo a tarefa de ajudar Carl a chegar ao céu.


19 – Quem é a mãe de Andy em Toy Story?

23 teorias macabras sobre filmes
Lembra da garotinha Riley, de “Divertida Mente”? Ainda segundo o escritor Jon Negroni, ela é a versão criança da mãe do Andy, de “Toy Story”. Isso porque a duas são realmente bem parecidas. Compare:

Além disso, há a teoria também de que ela é Emily, a menina que abandonou a boneca Jessie, de “Toy Story 2”. Isso porque, no início do primeiro filme, Andy aparece com um chapéu igual ao da boneca, que teria pertencido à mãe dele.


20 – Ligação entre Capitão Gancho e Pequena Sereia

23 teorias macabras sobre filmes
No filme “A Pequena Sereia: Como Tudo Começou”, descobrimos que a mãe de Ariel foi assassinada por um pirata. Já em “Peter Pan”, vemos uma lagoa na Terra do Nunca em que há uma sereia de cabelos vermelhos que é a CARA da Ariel (na imagem acima).

Além disso, o desenho mostra também que as sereias morriam de medo do Capitão Gancho.


21 – Os pais de Elsa e Anna

23 teorias macabras sobre filmes
No início de “Frozen” vemos que os pais de Elsa e Anna morreram em um naufrágio, certo? Errado, segundo teoria dos fãs da Disney. Para muita gente, o casal sobreviveu ao acidente e passou viver na selva, onde tiveram outro filho: Tarzan.

Em entrevista à MTV, um dos diretores de “Frozen”, Chris Buck”, disse que gostou da ideia e não confirmou nem negou a ligação. “Se quiserem acreditar nisso e quiserem que eles tenham essa conexão, vamos em frente. Esse é o espírito da Disney”, declarou.


22 – Bob Esponja e os pecados capitais

23 teorias macabras sobre filmes
Sabia que cada um dos principais personagens de “Bob Espoja Calça Quadrada” representa um pecado capital? Segundo sessão do DVD do desenho, o autor Stephen Hillenburg utilizou as características desses pecados para construir os protagonistas.

Bob Espoja é a luxúria (no sentido de que está sempre exagerando para agradar os outros), Patrick é a preguiça, Lula Molusco é a ira, Sr. Siriquejo é a Avareza, Plankton é a inveja, Gary é a Gula e Sandy, a Soberba.


23 – Os Anjinhos estão mortos

23 teorias macabras sobre filmesSegundo teoria da Creepypast, os bebês eram fruto da imaginação de Angélica, uma criança que vivia deixada de lado pelos pais, sempre ocupados. Por isso, ela começava a fantasiar outros bebês lhe fizessem companhia.

Tommy, o personagem principal de “Rugrats”, seria um bebê que nasceu morto, o que fez com que o pai, Stu, enlouquecesse. Por isso, ficava sempre isolado no porão, construindo uma infinidade de brinquedos para o filho morto. No caso dos gêmeos Phil e Lil, a história é que Angelica teria visto a mãe deles grávida, mas nunca soube qual era o sexo do bebê, e criou uma menina e um menino.

Por fim, havia um único bebê real: Dil, o irmão caçula de Tommy. Justamente por isso, ele é o único que não consegue se comunicar com os outros bebês, nem com Angelica.

Teorias

Fechar