28 coisas malucas que você acreditava quando era criança


Share via

28 coisas malucas que você acreditava quando era criança

Engolir sementes faria uma árvore crescer dentro de você, o homem do saco viria te buscar caso se comportasse mal, chiclete grudava no estômago se você engolisse, cavar um buraco bem fundo te levaria ou Japão. A infância, sem dúvida, é o período de maior criatividade e espontaneidade da vida humana. Questões complexas demais para serem compreendidas em sua totalidade, enquanto ainda começamos a entender o mundo para além da nossa casa, ganham explicações muito simples, mas completamente descabidas — e que nos fazem dar bastante risada hoje em dia.

Em tributo à criança interior de cada um, o Tediado relembra coisas malucas que todo mundo acreditou quando era criança.

Mais informação: Instagram

1 – Apontar pras estrelas nascia uma verruga no dedo.

2 – Quando eu tinha 8 anos, esqueci algumas notas de dinheiro no bolso da calça e coloquei para lavar. Quando me dei conta do que tinha feito, fui correndo e chorando falar para os meus avós que eu seria presa por ‘lavagem de dinheiro’.

3 – Uma vez meu pai estava assistindo “America’s Most Wanted”, um programa sobre fugitivos, e ele me disse que um ‘serial killer’ era alguém que pulava da caixa de cereal e matava você. Eu fiquei sem comer cereal por um ano.

4 – Quando minha mãe dizia: “Na volta a gente compra, tá?”.

5 – Que se fizesse careta para alguem, iria passar um vento e deixar minha cara daquele jeito.

6 – Quando era criança eu achava que pessoas muito pequenas trabalhavam dentro dos semáforos; elas tinham turnos e seu trabalho era sentar naquelas luzes coloridas e decidir quando mudar para o verde.

7 – Quando eu era pequeno, achava que as pessoas que morriam nos filmes morriam de verdade e tinham sido contratadas para morrer em cena.

8 – Eu pensava que a placa de trânsito ‘Sem Saída’ queria dizer que as pessoas que moravam nas casas daquela região não tinham como sair dali. Não conseguia entender como alguém poderia querer morar lá.

9 – Quando eu era criança, pus na cabeça que todo mundo nascia com uma quantidade limitada de sangue, e que se você perdesse tudo, seria o fim. Eu ficava muito assustada quando ralava os joelhos!

10 – Quando eu tinha 9 anos, fingi que estava doente na escola para poder voltar para casa e assistir TV. Quando a enfermeira da escola me perguntou o que eu estava sentindo, respondi: ‘enjoo matinal’. Ela arregalou os olhos, e levei uma década para descobrir o motivo.

11 – Eu achava que ‘se beber, não dirija’ se referia a qualquer tipo de bebida, então eu sempre ficava nervosa quando meus pais tomavam uma coca ou uma água enquanto estavam dirigindo.

12 – Quando eu tinha 5 anos, achava que meu cocô era marrom porque eu sou negro. Minha mãe é branca, e eu lembro que perguntei para ela se o cocô dela era mais claro.

13 – Deixar o chinelo virado pra baixo a mãe morre.

14 – Se colocava o dente de baixo do travesseiro a fada do dente vem pega o dente e no lugar deixava dinheiro.

15 – Quando eu era criança, achava que Jesus era crucificado todos os anos na Sexta-Feira Santa, e que continuavam matando ele porque ele continuava voltando na Páscoa. Eu sentia muito por ele e ficava pensando por que ele não parava de voltar, já que ele sabia que aconteceria de novo.

16 – Eu pensava que tinham homenzinhos no cartão de crédito aí eles viajavam do cartão até o estoque de dinheiro toda vez que a gente comprava algo.

17 – Quando era criança eu achava que os comerciais eram ao vivo, e ficava confusa quando via crianças neles. Eu pensava ‘Como que eles conseguem faltar tanto na escola?’

18 – Eu achava que os atores dos programas de TV tinham que correr de um set para o outro se estivessem em dois programas que fossem ao ar um logo depois do outro.

19 – Eu conheci uma garota no ensino médio que achava que as esculturas no Monte Rushmore eram formações naturais.

20 – Lembro de quando eu estava na fase de aprender que a mistura entre duas cores resulta em uma cor diferente. Eu achei que isso se aplicava a qualquer coisa, então presumi que se uma pessoa negra e outra branca tivessem um bebê, ele seria latino.

21 – Quando eu era criança, tinha certeza de que o mundo era em preto e branco até a ‘invenção’ das cores, por causa de todas as fotos em preto e branco que eu via.

22 – Se engolir uma semente iria nascer a planta dentro do “bucho”.

23 – Quando eu tinha 9 anos, achava que adultos não faziam côcô.

24 – Eu achava que ‘Custódia” era uma cidade para onde eram levadas todas as pessoas más. As reportagens sempre diziam: ‘O criminoso foi levado para custódia’, e eu lembro que ficava me perguntando onde seria esse lugar, torcendo para que não fosse perto de onde eu morava.

25 – Quando eu era criança, achava que ‘mercado negro’ era um lugar. Imaginava que era um shopping mal iluminado para onde as pessoas iam depois que escurecia.

26 – Bolas laranjas nos fios das redes de alta-tensão eram bolas de basquete.

27 – Cavar um buraco bem fundo te levaria ao Japão.

28 – As cegonhas traziam os bebês (ou papai deu uma semente para a mamãe e assim você nasceu).


Compartilhe com os seus amigos!

Share via

Se inscrever
Notificar de
guest
0 Comentários
Comentários em linha
Exibir todos os comentários
Send this to a friend