Artista ilustra problemas comoventes da nossa sociedade em 5 quadrinhos


Share via

Cada história merece ser contada, mas nem todas as histórias são glamorosas, agradáveis ​​ou fáceis de contar e, por isso, não são contadas com tanta frequência quanto as outras. Histórias sobre os erros de nossa sociedade, a injustiça, as sarjetas e o subterrâneo são exatamente desse tipo. Mas isso não significa que ninguém quer lê-los, ou que é melhor não destacá-los, mas a narrativa requer uma abordagem sensível e sincera. Ademar Vieira é mestre nesse tipo de contação de histórias e usa o meio dos quadrinhos para contar histórias de partir o coração. E ele faz isso tão sutilmente que nem precisa usar palavras.

Mais informações: Instagram | Facebook

1. Não somos inimigos

2. Quando os mundos colidem

3. Uma história de natal

“Certa vez, quando estava trabalhando em um jornal, meu editor me pediu para escrever uma história sobre o Papai Noel. A princípio pensei que a história seria boba, mas depois percebi que o Papai Noel poderia ter boas histórias para contar. Entrevistei alguns deles, e um Papai Noel de um grande shopping me contou essa história, que aconteceu na minha cidade natal, Manaus, há alguns anos…”

4. Continue em frente

“Nossas vidas estão mudando constantemente. Nada dura para sempre. As coisas mudam e as perdas são inevitáveis. É doloroso, mas não há receita para a felicidade eterna e só podemos nos adaptar a tudo o que vem pela frente. Essa faixa se chama “Continue em frente” e eu a dedico a todas as pessoas que precisaram ou estão precisando se reinventar para seguir em frente.”

5. Ainda não acabou

“O que está acontecendo na minha cidade natal, Manaus, é principalmente resultado da incompetência e falta de planejamento dos governantes em todos os níveis, mas alguns outros fatores contribuíram para essa tragédia. Ignorância, negação da ciência, notícias falsas e a noção infundada de que o pior já passou estão levando centenas de milhares à morte em todo o mundo. Vamos ficar alertas e cuidadosos e cuidar do bem-estar uns dos outros.”


Compartilhe com os seus amigos!

Share via
guest
0 Comentários
Comentários em linha
Exibir todos os comentários
Send this to a friend