Curiosidades

20 coisas que só quem é fã de Friends vai entender

Uma das séries de maior sucesso da televisão, “Friends” sem dúvidas marcou a geração dos anos 90 e 2000. Durante 10 anos de história e mais de 230 episódios da sitcom, muitos momentos inesquecíveis rolaram e estão até, hoje, na memória de quem acompanhou.

20 coisas que só quem é fã de Friends vai entender


01 – “Dar um tempo” pode ser um problemão

Já faz mais de 10 anos que a série acabou, mas uma questão continua em aberto: “dar um tempo” é terminar ou não é? Ross traiu Rachel ou estava tudo bem porque ela mesma foi quem pediu para se afastar?

O fato é: todo mundo que assistiu à série tem uma opinião sobre isso e provavelmente já tentou debater (sem sucesso) com outro fã. De que lado dessa briga você está?


02 – “Unagi”

Originalmente, a palavra “unagi” faz parte do vocabulário japonês e, na gastronomia oriental, designa uma enguia, que é utilizada para fazer sushi. Mas para os fãs de “Friends”, o significado é BEM diferente.

Na série, Ross usa a expressão quase como uma espécie de sexto sentido. “Unagi” para ele significa um estado de consciência tão potente que a reação vem praticamente ao mesmo tempo da ação. Inclusive, achamos que esta definição deveria estar no dicionário!


03 – O “feitiço” da música de abertura

Você está lá vivendo sua vida normalmente e absolutamente do nada a música de abertura da série começa a tocar na sua mente – a gente sabe que isso já aconteceu e, aliás, provavelmente está acontecendo neste exato momento.

E não só isso: quando a abertura da série está realmente rolando (não só na sua mente), bater as palminhas na hora certa é praticamente uma obrigação moral.


04 – “Oh. My. God.”

Foram muitos os coadjuvantes que passaram por “Friends”, mas Janice, definitivamente, foi uma das mais inesquecíveis. A ex-namorada mais irritante do mundo nos presentou com uma expressão que serve para praticamente qualquer coisa.

Quem é fã da série com certeza já lançou um “oh my god”, bem ao estilo Janice, em alguma situação da vida real – e provavelmente ninguém mais entendeu. Aliás, sabemos que você leu a frase com a voz da Janice na cabeça.


05 – Joey e Rachel juntos NÃO dá

Está aí um casal que ninguém entendeu até hoje, nem o público e nem o próprio elenco. Joey e Rachel tiveram um romance nas últimas temporadas da série, mas para muita gente o casal não fez sentido: não havia química e os dois eram MUITO amigos.

Obviamente, o relacionamento não deu muito certo – já que ficou claro que serviu só como mais um momento de tensão para o casal Ross e Rachel.


06 – “Smelly Cat”

Um hino injustiçado. A composição de Phoebe é um dos melhores legados que “Friends” deixou e a letra, provavelmente, está na cabeça dos fãs da série até hoje.

Aliás, a principal responsável por essa criação é a própria Lisa Kudrow. Em entrevista ao talk show de Larry King, a atriz contou que os roteiristas da série escreveram a letra, mas a melodia inesquecível foi ela quem deu.


07 – É impossível escolher um favorito

Os “Friends” são tão completos como um grupo que é praticamente impossível escolher qual é o favorito. Quem acompanhou a série inteira com certeza sentiu que todos eles brilharam e se destacaram mais em um ou outro momento.


08 – Mas Ross é o menos legal

No entanto, há uma opinião geral de que Ross era o mais “difícil”. Muita gente achou um pouco demais Rachel largar o emprego dos sonhos em Paris para ficar com ele. Isso sem contar a história do “estávamos dando um tempo” que divide opiniões até hoje.


09 – “Joey não divide comida”

Que atire a primeira pedra quem nunca sentiu aquela tristeza ao ouvir “dá um pedaço?” enquanto estava comendo algo. Por sorte, Joey Tribbiani ensinou como dizer não sem parecer muito rude: “Joey não divide comida”.

Com uma fome sem fim, o personagem queridinho de “Friends” não fazia a menor cerimônia ao comer tudo sozinho e sem dividir com ninguém. Aliás, ele, inclusive, ficava ofendido quando alguém não o convidava para comer. Quem nunca, né?


10 – Imaginar como seria morar com amigos

Em algum momento, todo mundo que assistiu à série imaginou como seria não só dividir a casa com amigos, mas tê-los como vizinhos no apartamento da frente.

Além disso, as reuniões no Central Perk e os programas inusitados que o grupo fazia junto com certeza deixaram muita gente imaginando como seria essa vida no mundo real.


11 – Como usar aspas

Outro episódio que nenhum fã esquece é “Aquele em que Ninguém Propõe” em que Joey descobre o real significado das aspas.

Ele acaba usando o movimento das aspas com as mãos de um jeito completamente errado, o que gerou um dos momentos mais memoráveis da série.


12 – Todo mundo ama o Mike

Entre todos os pares românticos coadjuvantes que foram aparecendo ao longo de “Friends”, há um que é unanimidade: Mike, interpretado por Paul Rudd, conquistou o coração não só da Phoebe, mas de todos os fãs da série.

Tanto é que o personagem, a princípio, faria apenas uma pequena participação – e Phoebe terminaria a série ao lado de David (Hank Azaria). No entanto, o carisma de Paul Rudd garantiu a permanência de Mike na série.


13 – “How you doin’”?

Uma das frases mais icônicas de “Friends” marcou a série desde o primeiro episódio – e foi uma das primeiras piadas feitas por Joey. Assim, que acompanhou a história sempre vai se lembrar com carinho da “cantada” do personagem.

O “how you doin’” de Joey era praticamente um canto da sereia e, para ele, era a técnica infalível para conquistar qualquer um. Ah, e assim como o “oh my God” de Janice, sabemos que você leu a frase de Joey com a voz dele!


14 – Chanandler Bong

Um dos momentos mais hilários da série é a revelação da identidade “Chanandler Bong”. Listado como um dos melhores episódios da série pelo Huffington Post, “Aquele dos Embriões” com certeza está gravado na memória dos fãs.

No episódio, além de descobrimos que Chandler usava o nome de “Senhora Chanandler Bong” na assinatura da TV, os outros personagens começam a apostar qual é a profissão dele – um dos principais “mistérios” da série.


15 – Nunca entender quantos anos eles têm

Fã que é fã reparou que nunca houve um consenso sobre quantos anos os friends têm. Durante as temporadas 3, 4 e 5, Ross fica com a mesma idade, 29 anos. Já no episódios “Aquele Em Que Todos Fazem 30 Anos”, fica entendido que Rachel é a mais jovem, mas na 1ª temporada, Joey é o mais novo.

Além disso, as datas de aniversários mudaram várias vezes. Em um dos episódios, Rachel diz que é do signo de Aquário, mas depois diz que faz aniversário em maio. Já Ross diz a Gunther que seu aniversário é em dezembro, mas conversando com Joey diz que é em outubro. Vai entender.


16 – Todo mundo tem um vizinho pelado

Outro coadjuvante marcante é o cara pelado, que mora no prédio da frente e que sempre acaba sendo flagrado pela janela. Assim, “Friends” ensinou uma lição importante: se você não tem um vizinho pelado, o vizinho pelado é você mesmo.

Aliás, a identidade do “ugly naked guy” permaneceu um mistério durante anos: seu rosto nunca foi mostrado e o ator nunca aparecia nos créditos. Mais de 10 anos após o fim, em 2016, o Huffington Post fez uma investigação e descobriu o nome dele: Jon Haugen.


17 – Todo mundo pode falar francês

Também listado como um dos melhores episódios da série, “Aquele em que Joey Fala Francês” também rendeu momentos inesquecíveis. No episódio, Phoebe tenta ajudar o amigo a passar em um teste de TV em que precisa falar francês – e, claro, tudo dá errado.

Além disso, é neste mesmo episódio que Phoebe inventa nome “Regina Phalange”, que também ficou marcado na memória dos fãs.


18 – Chandler e Monica são o melhor casal de todos

Se há um casal da ficção que fez todo mundo ter vontade de se apaixonar foi Monica e Chandler. Com uma história superfofa, os dois tiveram o relacionamento mais engraçado da série e, com certeza, são os personagens com a química mais incrível.

Além disso, Monica e Chandler foram responsáveis também por alguns dos momentos mais tocantes de “Friends” – e episódio em que eles descobrem que provavelmente não poderão ter filhos é o mais triste de todos.


19 – “How I Met Your Mother”? Não, obrigada

Ninguém aguenta mais ouvir que “How I Met Your Mother” é o novo “Friends” ou pior ainda: que é melhor do “Friends”. Assim como times de futebol, os fãs de cada uma se dividem na disputa de qual é a melhor série.

É impossível não notar as semelhanças de temáticas, cenários e estereótipos das séries, então as comparações são inevitáveis. Mas a realidade é que dá para assistir e amar as duas, né.


20 – O dilema: volta ou não volta?

Desde que a série terminou, em 2004, a mesma pergunta ressurge ano após anos: “Friends” vai voltar? Entra temporada, sai temporada, os rumores sobre reuniões da sitcom continuam firmes e fortes, sem nunca se concretizar.

Além disso, toda vez que os atores são entrevistados essa pergunta rola. “As pessoas querem saber o que aconteceu com eles, mas a série era sobre esse período da vida das pessoas, depois da faculdade, antes de sossegar e formar uma família. Voltar e revisitar isso… Não sei sobre que seria a história. Eles todos seguiram em frente então, simplesmente não seria ‘Friends’”, pontuou Matt LeBlanc em entrevista ao Daily Mail.


Seriado

Fechar