24 fatos que J.K. Rowling revelou após o fim dos livros de Harry Potter


Share via

Após Harry Potter se tornar um verdadeiro fenômeno cultural e um clássico da literatura infantojuvenil, J.K Rowling passou a revelar mais detalhes sobre o universo bruxo para responder as dúvidas da legião de fãs curiosos.

Existem outras escolas de Magia e Bruxaria além de Durmstrang e Beauxbatons? Voldemort teve ou não um caso com Bellatrix Lestrange? Qual o destino de Fofo após servir como guardião da pedra filosofal? Estas são algumas das questões que ficaram sem resposta na saga do menino que sobreviveu.

24 fatos que J.K. Rowling revelou após o fim dos livros de Harry Potter 2

Fato 1

O Chapéu Seletor geralmente determina a casa de alguém em menos de 5 minutos. Mas se durante esse período ele não conseguir tomar uma decisão, ocorrerá um hatstall — um termo arcaico para quando o chapéu não consegue decidir em que casa colocar um aluno novato. Sua ocorrência é muito rara e acontece uma vez a cada 50 anos aproximadamente. Entre os contemporâneos de Harry Potter, o hatstall aconteceu apenas duas vezes. A primeira vez foi com a professora McGonagall, a quem o chapéu queria enviar para a Corvinal ou para a Grifinória. A segunda vez, com Pedro Pettigrew. No caso dele, a dúvida era entre Grifinória ou Sonserina.

Fato 2

Tiago, Remo, Pedro e Sirius encantaram o Mapa do Maroto para que ele sempre repelisse o inimigo em comum, no caso, Severo Snape.

Fato 3

Harry Potter deixou o Mapa do Maroto com a diretora McGonagall para ajudá-la a monitorar a segurança do seu filho do meio, Alvo.

Fato 4

Existe um livro guia chamado Sagrados Vinte e Oito que foi publicado nos anos 30 do século XX por um autor anônimo. Esse livro contém uma lista com os nomes das famílias verdadeiramente puro-sangue. Entre elas estão as famílias de Sirius Black, Neville Longbottom, Bellatrix Lestrange, Draco Malfoy e Ron Weasley.
A publicação do guia causou forte clamor público no mundo bruxo. Alguns ficaram indignados por seus nomes não constarem na lista. Outros ficaram com raiva porque entraram. E nesse grupo de insatisfeitos estavam os Weasley, que sempre consideraram os trouxas interessantes e trabalhadores, e não viam nada vergonhoso em se comunicar com eles. Enquanto a maioria das famílias remanescentes dos Sagrados Vinte e Oito exaltavam a pureza do sangue acima de qualquer outra qualidade e desprezavam os que viviam com os sangue-ruins e mestiços.

Fato 5

Após a batalha de Hogwarts, o patriarca da família Malfoy, Lucio Malfoy, escapou de sofrer uma punição apenas porque forneceu informações ao Ministério da Magia sobre outros Comensais da Morte.

Fato 6

Astória, esposa de Draco Malfoy, recusou-se a criar seu filho com ódio a trouxas e bruxos mestiços. Embora sua família e a família de seu marido, como muitas outras na lista dos Sagrados Vinte e Oito, tivessem educado seus filhos para crer na superioridade do puro-sangue. Devido a isso, as reuniões familiares com Narcisa e Lucio eram extremamente estressantes.

Fato 7

O Testrálio é visível apenas para os bruxos que já testemunharam a morte e plenamente a aceitaram. Harry não podia ver os Testrálios até a morte de Cedrico, apesar de sua mãe ter sido morta diante de seus olhos. O fato é que a mãe de Harry morreu quando ele era muito pequeno e não era capaz de perceber sua perda. Quando o professor Quirrell morreu no primeiro filme, o garoto estava inconsciente.
Por outro lado, Luna Lovegood também perdeu a mãe quando era muito jovem. Mas a garota podia ver os Testrálios antes de Harry, porque ela, segundo Rowling, era mais aberta ao mundo espiritual e não tinha medo da vida após a morte.

Fato 8

Neville não se casou com Luna (a quem confessou seu amor no último filme), mas sim com Hannah Abbott da casa de Lufa-Lufa.

Fato 9

Em uma entrevista, J.K. Rowling admitiu que quando viu Emma Watson, ela ficou desapontada. Emma não combinava com o papel porque Hermione, supostamente, não deveria ser muito bonita.
O fato é que Rowling demonstrava nos livros uma transformação gradual da heroína de uma garota despreocupada em uma garota bonita. No entanto, com a encantadora Emma atuando como Hermione não seria possível fazer essa transformação. Mas, no fim das contas, a escritora relevou: “Afinal, era apenas um filme. Além disso, Emma era uma atriz maravilhosa que, por natureza, era muito parecida com a senhorita Granger”.

Fato 10

Minerva McGonagall não era apenas uma das estudantes mais inteligentes, mas também uma excelente jogadora de quadribol. Ela herdou esse talento de sua mãe, que já foi a capitã da seleção nacional.

Fato 11

Aos 18 anos, McGonagall se apaixonou pelo filho de um fazendeiro escocês, o trouxa Dougal McGregor. O jovem a pediu em casamento, e ela aceitou. Mas, no mesmo dia, à noite, Minerva ficou receosa e refletiu sobre o seu futuro por um bom tempo: ela tinha sido convidada para trabalhar em Londres no Ministério da Magia, enquanto Dougal planejava apenas herdar a fazenda de seu pai. Além disso, ele não sabia nada sobre a origem mágica de sua futura esposa. No final, McGonagall decidiu abandoná-lo.

Fato 12

Inicialmente, Azkaban não era uma prisão para bruxos. Antes era uma fortaleza encantada e escondida do resto do mundo onde vivia um feiticeiro chamado Ekrizdis, que praticava as piores formas de magia maléfica. Como Ekrizdis morava sozinho, ele se entretinha atraindo os marinheiros trouxas e os torturando cruelmente somente para matá-los depois.
Após a morte do bruxo, o Ministério da Magia acabou descobrindo Azkaban. Os bruxos que vasculharam a fortaleza pela primeira vez se recusaram a comentar o que tinham visto lá. E ainda mais horrível foi o fato de a ilha estar repleta de Dementadores. Muitos tinham receio de destruir a fortaleza e privá-los de suas casas, por isso foi decidido fazer uma prisão em Azkaban.

Fato 13

Em 1998, após a morte de Voldemort, um membro da Ordem da Fênix, Kingsley Shacklebolt, tornou-se Ministro da Magia . Ele expurgou Azkaban dos Dementadores, e os prisioneiros começaram a ser guardados pelos aurores.

Fato 14

O Instituto Durmstrang é uma das escolas mais secretas do mundo. Aqueles que tiveram a sorte de serem convidados, foram expostos ao feitiço Obliviate (feitiço do esquecimento) após a visita para apagar suas memórias sobre como chegaram à escola.

Fato 15

Os retratos mágicos preservam a memória e a personalidade de pessoas reais. No entanto, eles não podem substituir completamente uma pessoa viva. Um retrato de cada diretor de Hogwarts aparece automaticamente no escritório do diretor após sua morte, mas, certamente, ele foi pintado ainda durante a vida do falecido mestre bruxo. Quando o quadro está pronto, o diretor o mantém trancado em um armário. Ele pode visitar o retrato e transmitir à sua versão pintada informações úteis que queira que sejam lembradas.

Fato 16

Dolores Umbridge tinha vergonha da própria origem: o seu pai era bruxo e a sua mãe, trouxa. Ela mentiu para todos sobre ser puro-sangue e nunca em vida mencionou que tinha uma mãe trouxa e um irmão aborto (pessoas que têm ao menos um pai bruxo, mas não desenvolvem poderes mágicos).
Umbridge era da casa de Sonserina, e imediatamente após a graduação foi trabalhar no Ministério. Já aos 17 anos ela era intolerante e injusta, e mostrava tendências sádicas. Quando o Lorde das Trevas foi derrubado, Dolores foi levada a tribunal pelo seu apoio ativo ao regime e foi condenada por tortura e morte de várias pessoas.

Fato 17

Em 2015, J.K. Rowling relatou que na época em que estava escrevendo os livros, acabou abordando de maneira descuidada o tema sobre viagem no tempo. A escritora percebeu que, devido ao vira-tempo, ela poderia ter problemas na trama. Ela se perguntou: “Se um bruxo pode retornar ao passado e resolver todos os problemas, o que eu escreveria a seguir?” Por isso, ela destruiu todos os vira-tempos restantes no quinto livro da saga.

Fato 18

No Pottermore, Rowling escreveu que, com a auxílio do vira-tempo, não era possível regressar nem 24 horas no tempo. O período mais longo que um bruxo poderia voltar no tempo é de cinco horas. Se ultrapassasse esse período, o bruxo morreria ou, pior ainda, afetaria irreparavelmente o curso da vida de um grande número de pessoas.

Fato 19

No entanto, em 2016, foi lançada a peça Harry Potter e a Criança Amaldiçoada com coautoria de J.K. Rowling. E de acordo com o enredo, os heróis da trama têm um vira-tempo aprimorado. Graças ao modelo, eles poderiam voltar em qualquer período do passado, e foi isso que os filhos de Potter e Malfoy fizeram.

Fato 20

Inspirada na mitologia grega, J.K. Rowling criou Fofo, o cão gigante de três cabeças usado para guardar a passagem secreta da pedra filosofal em Hogwarts. No primeiro livro da saga, Harry, Rony e Hermione enfeitiçam o animal, recuperam a pedra filosofal e combatem Voldemort. Contudo, a autora não revela qual é o fim de Fofo.
Somente anos mais tarde, a escritora divulgou em um post do Twitter que o animal foi devolvido para Grécia, de onde veio. Ou seja, a criatura magical teve um final bem feliz, não é?

Fato 21

Depois do fim da saga, J.K. Rowling revelou que Dumbledore era gay. Na época, a revelação deixou alguns fãs incomodados com o fato da autora ter desperdiçado a oportunidade de criar representatividade nos livros e nos filmes. Mas, aparentemente, o erro foi consertado na saga de Animais Fantásticos, pois o romance entre Dumbledore e Grindelwald sustenta a narrativa principal dos filmes.

Fato 22

Após o fim da saga, a autora revelou que o “T” de Voldemort é silencioso e não deve ser pronunciado. Porém, esta informação não foi tão bem recebida pelos fãs, pois o “T” do nome sempre foi pronunciado pelos atores nos filmes e, inclusive, pela própria J.K.Rowling em entrevistas.

Fato 23

J.K. Rowling revelou que Harry Potter e Voldemort são unidos pelo parentesco com a família Peverell, a qual deu origem ao Conto dos Três Irmãos. A mãe do vilão foi casada com Cadmus Peverell, dono da Pedra da Ressurreição; enquanto um dos Potter se casou com Ignotus Peverell, dono da Capa de Invisibilidade da Morte.

Fato 24

Os leitores sempre suspeitaram da extrema – e bizarra – devoção de Bellatrix Lestrange a Voldemort. E, em A Criança Amaldiçoada, a autora confirmou o caso amoroso entre os dois vilões e ainda revelou a existência de uma filha bastarda, Delphini Riddle, que dá nome à peça.

Você conhece alguma outra curiosidade interessante sobre o universo de Harry Potter? Conte para a gente na seção de comentários.


Compartilhe com os seus amigos!

Share via

Se inscrever
Notificar de
guest
0 Comentários
Comentários em linha
Exibir todos os comentários
Send this to a friend