Quem quebrou o vaso?


Share via

Você já esteve numa posição em que precisou descobrir quem era o culpado em determinada situação? Isso acontece com todos nós em algum momento, e nos contextos mais diversos: seja numa discussão na escola ou no trabalho, quando algum incidente acontece em nossas casas ou até mesmo num acidente de trânsito.

No entanto, por mais que apontemos facilmente o dedo para alguém, acreditamos que temos todas as provas da sua culpa, podemos nos surpreender ao descobrir que a história pode estar cheia de detalhes ocultos que atrapalharam o nosso julgamento.

Apontar o dedo para alguém e atribuir-lhe culpa é algo bastante sério e complexo, por isso precisamos estar com a nossa capacidade de análise em dia antes de fazê-lo. Hoje trouxemos um teste que revelará se você está apto para julgar uma situação como essa.

Quem quebrou o vaso? 2

Na imagem mostrada acima, somos apresentados a um problema. Um vaso de flores aparece quebrado no chão, entre quatro crianças, todas passíveis de culpa, no entanto, apenas uma delas foi a responsável pelo acidente.

Sua missão é descobrir qual delas e ter uma justificativa para isso. Para explorar o seu raciocínio, daremos tempo máximo de 30 segundos até encontrar a resposta. Quando estiver pronto, pode começar!

E aí, já conseguiu chegar à resposta? Se sim, parabéns, logo abaixo revelaremos se ela é a certa. Se ainda não, nós lhe daremos um pouco mais de tentativas, não se esqueça de usar todo o seu conhecimento sobre situações como essa.

Pronto? Se não conseguiu encontrar uma resposta, tudo bem, nós lhe mostramos agora quem é o verdadeiro culpado. A maioria das pessoas, quando faz alguma coisa errada, costuma revelar sua culpa através de certas expressões corporais, quando optam por manter a boca fechada. Essas podem ser expressões de disfarce ou até mesmo de arrependimento. Ficou mais fácil agora analisar a imagem?

Quem quebrou o vaso de flores foi a criança 4. Diferentemente de todas as outras, que olham para o acontecimento aparentemente surpresas, ela está desviando o olhar para não ter que contemplar o seu erro. Além disso, também está com as mãos dentro dos bolsos, em uma clara demonstração de vergonha.

Conseguiu chegar à resposta certa? Se sim, você está de parabéns, é um conhecer do comportamento humano. Se não, é preciso praticar mais essa habilidade, até que se torne natural para você!


Compartilhe com os seus amigos!

Share via
guest
0 Comentários
Comentários em linha
Exibir todos os comentários
Send this to a friend