5 grandes lições de aceitação e amor próprio que aprendemos com o filme Extraordinário


Share via

Extraordinário é um filme que todos deveriam assistir. Lançado em 2017, o longa é cheio de lições inspiradoras do começo ao fim, focadas em aceitação e amor próprio para uma vida mais leve.

Por meio da trajetória de Austin Pullman (Jacob Tremblay), um garoto que nasceu com uma deformidade facial, é possível aprender muito sobre nossa conexão com nós mesmos e o mundo ao redor.

1 – Mais gentis que o necessário

5 grandes lições de aceitação e amor próprio que aprendemos com o filme Extraordinário 2

Extraordinário foca em valores essenciais, como coragem, humildade, amizade e gentileza, esse último ainda mais importante, uma vez que podemos ficar tão preocupados com os outros ao redor e com a correria em que vivemos que esquecemos de ser gentis com nós mesmos.

“Ser gentil não é o suficiente. Devemos ser mais gentis do que o necessário”, diz Austin. Seja gentil com você. Hoje e todos os dias. Nem sempre estamos onde queremos estar, mas a gentileza fará a angústia ficar mais leve e também é um ato de amor próprio.

2 – Você é especial

5 grandes lições de aceitação e amor próprio que aprendemos com o filme Extraordinário 3

Em “Extraordinário”, Austin, que passou por mais de 27 cirurgias tentando amenizar a deformidade, sofre ao ir para a escola pela primeira vez, já que nem todo mundo sabe respeitar as diferenças, sendo julgado apenas por sua aparência física.

Apesar de ser o pano de fundo do filme, isso também é um retrato da nossa sociedade, mas acredite: você é especial. Todas as pessoas são. Cada uma da sua forma. Então, se você já se sentiu diferente por algo na sua aparência, lembre que isso não define quem você é.

3 – Se ame sempre

5 grandes lições de aceitação e amor próprio que aprendemos com o filme Extraordinário 4

Parece clichê, mas devemos amar até nossas diferenças, para só assim estarmos fortes o suficiente para enfrentarmos o resto do mundo. Quando você está bem com você mesmo, as críticas não te atingem da mesma forma.

Apesar de ter sofrido com julgamento e olhares maldosos, Austin sempre teve consciência de seu valor e, através do amor incondicional, conseguiu se aceitar do jeitinho que é, sem se lamentar mais por ser diferente.

4 – Não desista dos seus sonhos

5 grandes lições de aceitação e amor próprio que aprendemos com o filme Extraordinário 5

Nada é mais gratificante do que alcançarmos uma meta pessoal que estava muito tempo no papel. Faça como a mãe de Austin em “Extraordinário” e, mesmo que a vida fique pesada, jamais desista de seus sonhos. Sonhar é importante.

Muitas vezes, seja pelo desânimo ou pelas coisas não fluírem como esperávamos, abandonamos nossos planos, mas o filme também serve para provar que uma conquista é uma forma de sentir orgulho de si mesmo e abraçar toda sua luta.

5 – Elimine o julgamento da sua vida

5 grandes lições de aceitação e amor próprio que aprendemos com o filme Extraordinário 6

Por último e não menos importante: aparência não é tudo. Os próprios amigos de Austin chegaram a essa conclusão depois de terem julgado o garoto e praticado bullying com palavras pesadas em “Extraordinário”.

A lição que fica é que não devemos julgar ninguém pela aparência, valorizando muito mais a essência, sem tirar conclusões precipitadas por aquilo que vemos. Isso também fará com que você se aceite melhor com todos seus erros e acertos.


Compartilhe com os seus amigos!

Share via

0 comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Send this to a friend